“Tal como as borboletas, as fotografias saem para o mundo sem uma palavra sobre as lagartas que as geraram”

François Matarasso, colaborador da Fundação Calouste Gulbenkian e autor de reflexões sobre “Community Arts” e “Participatory Arts” escreve sobre o MEF abordando a nossa atividade como um caso de estudo de arte participativa.

20150907c2a9eeqhmef_088

‘O desenvolvimento de uma cultura estética visual em todas as suas dimensões conceptuais e quanto a nós acessível a TODOS é fundamental para quem somos. Produzir narrativas e memórias visuais é assim integrador.’  

Ler mais em:

[https://arestlessart.com/case-studies/movimento-de-expressao-fotografica/movimento-de-expressao-fotografica-um-caso-de-estudo-de-arte-participativa/


 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s