Arquivo da categoria: Novidades

De 12 de Outubro de 2019 a 1 de Fevereiro de 2020, vamos falar de “História da Fotografia” com José Soudo.

Pretende-se com esta ação de formação “História da Fotografia – Histórias com fotografias”, analisar criticamente e contextualizar os momentos mais significativos da pré e da proto-história dos desenhos de luz, que culminarão nos diversos surgimentos do que se virá a designar-se por Fotografia, nos finais da terceira década do século XIX.

photogenic-drawing 2
photogenic drawing de William Henri Fox Talbot (1800/1877), com data de c. 1839.

A ação de formação “História da Fotografia – Histórias com fotografias” tem o contributo de José Soudo e far-se-ão experiências e simulações práticas de alguns destes processos embrionários, que associadas às linhas mestras dos conteúdos do módulo, permitirão aos participantes, criarem um corpo de reflexão sobre a História da Fotografia e da sua Cultura desde o século XIX até à actualidade.

  • José Soudo – Curador. Investigador independente em História da Fotografia. Fotógrafo. [ver nota curricular]

Mais informações em: http://www.mef.pt/mef/historia-da-fotografia-historias-com-fotografias/


Anúncios

Marrocos, partimos hoje!!!

20160917_Marrocos©LuisRocha_0881

Voltamos pela sexta vez a este país em formato Workshop de Fotografia. Vamos apaixonados pela simpatia das pessoas, pela gastronomia, pelas paisagens do litoral e pelo Atlas, pela história e pela partilha das aventuras que sempre acontecem e que nos deixam nas memórias a vontade de regressar. Até já!


 

Vamos fotografar juntos em Moçambique?

WS-MoçambiqueEm 2020 o Movimento de Expressão Fotográfica promove um novo Workshop de Fotografia Documental desta vez em formato de Residência Artística e em parceria com a Kutsaca, sendo o destino Moçambique. Esta viagem tem como desafio fotográfico o de documentar o quotidiano de comunidades em Moçambique, em aldeias e na cidade de Maputo, com particular incidência na aldeia de Mahungo, Vila da Praia do Bilene, Província de Gaza, situada a 300km a norte da capital.


Mais informações e inscrição: http://www.mef.pt/mef/workshop-de-fotografia-documental-em-mocambique/


WORKSHOP DE FOTOGRAFIA DOCUMENTAL A CABO VERDE

Cabo Verde, Outubro 2020

O workshop tem como objetivo a realização de um projeto fotográfico sobre a cultura de Cabo Verde e será orientado por uma equipa de dois formadores do MEF, que acompanharão os projetos individuais a desenvolver pelos participantes. Na viagem teremos ainda um guia local que nos levará à descoberta da cultura Cabo-verdiana nas ilhas de Santiago e Maio.

Rabelados_Santiago_Cabo-verde_Ines-ramos
© Inês Ramos | Comunidade dos Rabelados de Espinho Branco, Ilha de Santiago

O workshop consiste na realização de um trabalho documental a ser realizado nas duas ilhas de Cabo Verde. O workshop incidirá no método de aprendizagem através da prática, explorando a vertente estética da imagem e o seu caráter documentalista. A exploração fotográfica aponta diretamente na orientação do documentário sócio- cultural ilustrando o modo de vida da população local.

O workshop inclui um acompanhamento personalizado com cada um dos participantes, formação teórica e prática, seleção e discussão de imagens.

 


 

[Programa] [Ficha de Inscrição] [Condições e Custos]

 


 

Duração do Workshop

Aulas Práticas: 9 dias de fotografia documental; 3 dias de discussão e visualização de imagens.

Aulas teóricas: 3 aulas de 2h.

Horário do Workshop

Aulas teóricas: 19.30m /21.30m.

Aulas práticas: no decorrer do programa da viagem.

Datas do Workshop e da viagem

1º Encontro para organizar detalhes de viagem: Julho 2020

Datas de viagem: de 3 a 11 de Outubro de 2020

  • Partida de Lisboa a 3 de Outubro
  • Regresso a Lisboa a 11 de Outubro
  • Total de 9 dias em Cabo Verde

Datas das aulas teóricas antes da viagem: 21 e 28 de Setembro 2020

Datas das aulas práticas Cabo Verde: no decorrer do programa da viagem – ver itinerário da viagem.

Datas das aulas teóricas depois da viagem: Novembro 2020

Equipa

Luís Rocha[Formação; Acompanhamento no terreno];

Tânia Araújo [Produção local; Acompanhamento no terreno];

Inês Ramos [Guia local]


Abordagem Fotográfica

Fotografia de Paisagem, Fotografia de Rua, Fotografia de Retrato, Fotografia Documental, Fotografia de Quotidiano.

Destinatários

O workshop de fotografia documental destina-se a todos os viajantes que gostam de fotografar e de partilhar as suas vivências com a população local.

Metodologia de trabalho

Acompanhamento fotográfico personalizado: durante as sessões de fotografia documental, haverá espaço para a leitura de imagens a partir da câmara fotográfica, de modo a optimizar o foco fotográfico para a abordagem do dia seguinte.

Visualização individual de imagens: as sessões individuais de visualização de imagens em computador, têm como objectivo a construção de um olhar mais direcionado para as pretensões de cada participante no workshop. As sessões individuais são abertas à presença e partilha dos restantes participantes.

Apresentação colectiva de imagens: a terminar a viagem, desafiamos os participantes a partilharem entre si, em forma de apresentação, o trabalho documental  desenvolvido durante o workshop.


Local de Formação

Rua Norte Júnior, n.º 17 A/D, loja 1, 1950-205 – Lisboa e Marrocos.

Contactos | Informações

Email geral: geral@mef.pt

Tânia Araújo – 965 831 620 | tania.mef@gmail.com


#1, “Bastidores MEF” por Tânia Araújo.

Os nossos últimos dias de Verão têm sido passados entre a luz quente e o cheiro a químicos. Aqui o tempo demora a passar, sem toalha e o mar de Verão, mas talvez seja o tempo que mais gostamos de estar. É um estar de pé, horas a mascarar para queimar e equilibrar aquilo a que chamamos de fotografia. Aqui podem acontecer solarizações, não porque apanhamos sol, mas porque acendemos a luz, porque por aqui a luz é apenas vermelha para que a beleza do processo de impressão aconteça, onde a dedicação, persistência, disciplina e paixão são fundamentais para que a imagem permaneça.

Texto e Imagens de Tânia Araújo

IMG_20190903_233607

IMG_20190903_234912

IMG_20190903_234928

IMG_20190903_235232


Bastidores MEF. Com autoria de Tânia Araújo, desvendamos às terças-feiras parte do processo de trabalho inerente à vida do MEF. Iniciamos esta partilha com a publicação do trabalho no workshop de narrativa fotográfica com laboratório a preto e branco. 


 

Curso de Iniciação à Fotografia, Inscrições abertas!

IniciaFotog

Vamos realizar em Setembro uma nova edição do Curso de Iniciação à FotografiaO curso incidirá nas matérias como o controle da luz, ISO e Balanço de Brancos, na Composição e na Edição de imagem. Com um valor de 160€, o Curso de Iniciação à Fotografia, com uma duração de 50h, acontece em duas sessões semanais, Segunda-feira e Quarta-feira, das 19h30m às 21h30m.

Para inscrições e informações:

http://www.mef.pt/mef/curso-de-iniciacao-a-fotografia-setembro-2019/


 

“Em vez de balas” de Fernando Penim Redondo na Biblioteca Municipal de Cascais.

2019_BIBLIOTECAS_SDR_EXPO_EM_VEZ_DE_BALAS_NEWSLETTER

Hoje, dia 7, pelas 15:30, Fernando Penim Redondo, aluno e sócio do MEF, mostra a exposição “Em vez de balas” e pelas 16 horas apresenta o livro “Crónicas de um Tenente” na Biblioteca Municipal de Cascais.

2019-08-19-BMC SDRana-_d706598-G

“… Ao fotografar a dignidade do povo guineense, a beleza das suas mulheres, o porte dos seus homens e o encanto das suas crianças, ele tinha a impressão de estar a fazer um gesto de amizade no contexto da guerra. Tal como muitos outros jovens da sua geração aprendeu, “no terreno”, a grande lição da relatividade da nossa própria cultura.” Ler mais…

2019-08-19-BMC SDRana-_d706600-G

“Em vez de balas” – B. M. Cascais
São Domingos de Rana
16 Agosto a 7 Setembro 2019
17 fotografias da Guiné recolhidas em 1968/69

Rua das Travessas 128, Bairro do Moinho, Massapés, 2785-285 São Domingos de Rana


Reflexos da Crise de Tânia Araújo na XXI Bienal de Artes Plásticas da Festa do Avante 

Reflexos da Crise I_Tânia Araújo
© Tânia Araújo | “Reflexos da Crise”

Tânia Araújo, membro da direcção do MEF, foi seleccionada com o projecto fotográfico “Reflexos da Crise” para a exposição da XXI Bienal de Artes Plásticas da Festa do Avante que se realizará nos dias de 6, 7 e 8 de Setembro de 2019. Inaugura às 18h na abertura da festa. 

Reflexos da Crise IV_Tânia Araújo
© Tânia Araújo | “Reflexos da Crise”

Sobre o projecto: Na televisão, na rua, na internet, nos letreiros, cartazes, outdoors, revistas, jornais…Sob várias formas, o apelo para o consumo está presente, faz parte do nosso quotidiano. Diante desse consumo que não respeita a saúde e o bem-estar das pessoas e do mundo, chega uma crise que de forma obrigatória coloca um limite. A crise mundial que se vive constitui uma oportunidade para repensar e reflectir sobre as várias formas de consumo. 

A realização deste trabalho resultou da constatação de que, pela enorme quantidade de outdoors vazios implantados ao ar livre e veiculando sobretudo um enorme vazio iluminado ao longo da noite, este suportes acabam por constituir uma verdadeira “galeria de arte popular”, aberta, gratuita, de livre acesso, onde, à semelhança do que acontece numa galeria, as “obras de arte” são periodicamente substituídas por novas exposições, estas não são substituídas. Os vazios publicitários impõem-se, pois, acabam por resultar numa determinada reflexão do mundo. Tânia Araújo.

Reflexos da Crise II_Tânia Araújo
© Tânia Araújo | “Reflexos da Crise”

CURTAINS de Pedro Nunes na Biblioteca dos Coruchéus.

68970561_2796832363677741_3886516507445821440_n

Pedro Nunes, amigo e sócio do MEF inaugura hoje às 18h na Biblioteca dos Coruchéus em Lisboa a exposição CURTAINS. Até 27 de Setembro de segunda a sexta, das 10h às 18h.

69471056_881012822282660_6951832016606199808_n
© Pedro Nunes | CURTAINS

Sobre este trabalho: “Caminho pelas ruas de uma qualquer cidade e o meu olhar é atraído para o não imediatamente visível: as pessoas e os lugares mediados por superfícies várias. Emerge então uma vontade de pintar um quadro através de um disparo. O ruído do lugar é abafado pela cortina fixada em imagem. Mas o que esconde esta representação difusa e vagamente onírica do real? Uma intenção de revelar algo escondido por entre camadas e texturas? Um desejo voluntário de distanciamento ou a impossibilidade de proximidade emocional com o que está na luz? Quem se esconde por detrás da cortina: o objecto fotografado ou o fotógrafo?”  Pedro Nunes.

69672228_380036342669091_8556436750489092096_n
© Pedro Nunes | CURTAINS

Vamos fotografar juntos em Moçambique?

Captura de ecrã 2019-02-11, às 19.18.23
© googlemaps

Em 2020 o Movimento de Expressão Fotográfica promove um novo Workshop de Fotografia Documental desta vez em formato de Residência Artística e em parceria com a Kutsaca, sendo o destino Moçambique. Esta viagem tem como desafio fotográfico o de documentar o quotidiano de comunidades em Moçambique, em aldeias e na cidade de Maputo, com particular incidência na aldeia de Mahungo, Vila da Praia do Bilene, Província de Gaza, situada a 300km a norte da capital.


Mais informações e inscrição: http://www.mef.pt/mef/workshop-de-fotografia-documental-em-mocambique/


Inscrições abertas para o Curso de Iniciação à Fotografia, setembro 2019.

IniciaFotog

Vamos realizar em Setembro uma nova edição do Curso de Iniciação à FotografiaO curso incidirá nas matérias como o controle da luz, ISO e Balanço de Brancos, na Composição e na Edição de imagem. Com um valor de 160€, o Curso de Iniciação à Fotografia, com uma duração de 50h, acontece em duas sessões semanais, Segunda-feira e Quarta-feira, das 19h30m às 21h30m.

Para inscrições e informações:

http://www.mef.pt/mef/curso-de-iniciacao-a-fotografia-setembro-2019/


 

Estamos na exposição fotográfica “Caué – Histórias ao Sul” em São Tomé e Príncipe.

DSCF0850DSCF0863DSCF0866DSCF0879DSCF0899DSCF0913DSCF0919DSCF0924DSCF0934DSCF0937DSCF0951DSCF0960DSCF0969DSCF0973DSCF0987DSCF1029DSCF1036DSCF1043DSCF1062DSCF1063DSCF1070

Caué – Histórias ao Sul é um projeto fotográfico onde a fotografia foi usada como forma de expressão das populações para sensibilizar e promover, junto da comunidade, um conjunto de mensagens promotoras de desenvolvimento e de conservação das tradições, costumes e saberes. Serviu também para despertar consciências, modificar atitudes e alterar comportamentos.

A dinamização do projeto foi da responsabilidade do MEF – Movimento de Expressão Fotográfica, numa iniciativa da ONGD portuguesa Leigos para o Desenvolvimento e com o apoio financeiro do Instituto Camões.

Para acesso integral ao projecto e saber mais sobre as histórias, aqui: https://historiasaosul.wordpress.com/historias-stories/

Imagens gentilmente cedidas por Cláudia Heliodoro Marques.


De 12 de Outubro de 2019 a 1 de Fevereiro de 2020, vamos falar de “História da Fotografia” com José Soudo.

Pretende-se com esta ação de formação “História da Fotografia – Histórias com fotografias”, analisar criticamente e contextualizar os momentos mais significativos da pré e da proto-história dos desenhos de luz, que culminarão nos diversos surgimentos do que se virá a designar-se por Fotografia, nos finais da terceira década do século XIX.

photogenic-drawing 2
photogenic drawing de William Henri Fox Talbot (1800/1877), com data de c. 1839.

A ação de formação “História da Fotografia – Histórias com fotografias” tem o contributo de José Soudo e far-se-ão experiências e simulações práticas de alguns destes processos embrionários, que associadas às linhas mestras dos conteúdos do módulo, permitirão aos participantes, criarem um corpo de reflexão sobre a História da Fotografia e da sua Cultura desde o século XIX até à actualidade.

  • José Soudo – Curador. Investigador independente em História da Fotografia. Fotógrafo. [ver nota curricular]

Mais informações em: http://www.mef.pt/mef/historia-da-fotografia-historias-com-fotografias/