Arquivo da categoria: Parcerias

Movimento de Expressão Fotográfica quer integrar pela arte, no Jornal da Tarde da RTP

eeqh2015naRTP
Clicar na imagem para aceder à reportagem

Reportagem da RTP sobre o projecto Este Espaço Que Habito, que pretende integrar pela arte jovens que estão a cumprir medidas tutelares de internamento nos centros educativos.

JOVENS TERMINAM NARRATIVA FOTOGRÁFICA “ESTE ESPAÇO QUE HABITO” EM COIMBRA

Este Espaço Que Habito 2015, © Luís Rocha
Este Espaço Que Habito 2015, © Luís Rocha

Foram 10 dias em que a fotografia e a reflexão sobre o espaço envolvente preencheram o quotidiano dos jovens do Centro Educativo dos Olivais em Coimbra. Com o projeto “Integrar pela Arte – Este Espaço Que Habito” o MEF desafiou os jovens a construírem a sua própria narrativa fotográfica, através do registo de imagens dos lugares escolhidos por cada um. Cada jovem reuniu um conjunto de 80 imagens, acompanhadas por um registo escrito daquilo que os levou àquela escolha e composição. O projeto culminará numa exposição aberta ao público, em data a anunciar.

De seguida, o MEF vai levar esta iniciativa ao Centro Educativo do Mondego, na Guarda, ao Centro Educativo Padre António Oliveira em Caxias e ao Centro Educativo Navarro de Paiva, em Lisboa. Acompanhem todos os pormenores na página de Facebook.

Seis imagens fotográficas!

EEQH2015MEF1Na presente edição do projeto Este Espaço Que Habito, e no seguimento de projectos anteriores dinamizados pelo MEF, pretende-se contribuir para a aquisição de competências sociais por parte dos jovens envolvidos, assim como se tem em conta atividades que explorem a criatividade e a expressão artística através da qual os jovens possam trabalhar o seu autoconhecimento.

EEQH2015MEF2 EEQH2015MEF3 EEQH2015MEF4 EEQH2015MEF5 EEQH2015MEF7

Seis imagens fotográficas estenopeicas (pinhole) realizadas pelos jovens participantes no projeto.

Jovens de Coimbra fazem registo e análise das imagens captadas

CEO_I
Imagem estenopeica realizada por um dos jovens participantes no projeto.

As câmaras fotográficas foram construídas, os locais escolhidos e as imagens já começam a aparecer. Os jovens do Centro Educativo dos Olivais, em Coimbra, continuam a trabalhar diariamente na construção da sua narrativa fotográfica, num desafio lançado pelo MEF, que teve início no passado dia 3 de Agosto. Na próxima semana, os jovens vão selecionar as imagens que captaram com ajuda da câmara estenopeica (técnica pinhole) e vão analisar aquilo que foi apreendido ao longo dos dias. Enquanto o fazem, registam todas as impressões nos cadernos que estão a construir, os chamados “diários de campo”, onde explicam pelas suas próprias palavras aquilo que experienciaram.  Acompanhem todos os pormenores do projeto Este Espaço Que Habito na página oficial no Facebook.

Jovens terminam narrativa fotográfica “Este Espaço Que Habito”

EEQH2015_CESAII
imagem estenopeica

 

Foram 10 dias em que a fotografia e a reflexão sobre o espaço envolvente preencheram o quotidiano dos jovens do Centro Educativo de Santo António no Porto. Com o projeto “Integrar pela Arte – Este Espaço Que Habito” o MEF desafiou os jovens a construírem a sua própria narrativa fotográfica, através do registo de imagens dos lugares escolhidos por cada um. Cada jovem reuniu um conjunto de 70 imagens, acompanhadas por um registo escrito daquilo que os levou àquela escolha e composição. O projeto culminará numa exposição aberta ao público, em data a anunciar.

De seguida, o MEF vai levar esta iniciativa ao Centro Educativo dos Olivais em Coimbra, ao Centro Educativo do Mondego, na Guarda, ao Centro Educativo Padre António Oliveira em Caxias e ao Centro Educativo Navarro de Paiva, em Lisboa. Acompanhem todos os pormenores na página de Facebook.

Workshop de Cultura Vínica e Fotografia Documental, últimas vagas.

vinhos_2015

Inscrições abertas para o Workshop de Cultura Vínica e Fotografia Documental que decorre a 12 e 13 de Setembro em ambiente de vindimas em plena aldeia da Quinta do Anjo, na zona de Palmela.  Mais informações…

Jovens do Porto fazem registo e análise das imagens captadas

A câmara fotográfica foi construída, os locais escolhidos e as imagens já começam a aparecer. Os jovens do Centro Educativo de Santo António, no Porto, continuam a trabalhar diariamente na construção da sua narrativa fotográfica, num desafio lançado pelo MEF, que teve início no passado dia 20. Por esta altura, os jovens selecionam as imagens que captaram com ajuda da câmara estenopeica (técnica pinhole) e vão analisando aquilo que foi apreendido ao longo dos dias. Enquanto o fazem, vão registando todas as impressões nos cadernos que estão a construir, os chamados “diários de campo”, onde explicam pelas suas próprias palavras aquilo que experienciaram. O resultado final está cada vez mais perto. Acompanhem todos os pormenores do projeto Este Espaço Que Habito na página oficial no Facebook.

Imagem estenopeica (pinhole) realizada por um dos jovens do Centro Educativo Santo António. © EEQH 2015/MEF
Imagem estenopeica (pinhole) realizada por um dos jovens do Centro Educativo Santo António. © EEQH 2015/MEF

Projeto realizado em parceria com o Ministério da Justiça/Serviços de Justiça Juvenil e com o financiamento do PARTIS – apoio a projetos sociais destinados à integração social através das práticas artísticas, promovido pela Fundação Calouste Gulbenkian. Este ano o projeto conta com o apoio logístico da Portugália Restauração; Teatro Municipal do Porto/Campo Alegre; Câmara Municipal de Coimbra e Hipermercado Continente da Guarda/SONAE.

Este Espaço Que Habito no Porto.

Cartaz_EEQH_2015

O MEF inicia hoje no Centro Educativo de Santo António, no Porto, o projeto “Integrar pela Arte – Este Espaço Que Habito”.

Um projeto em parceria com o Ministério da Justiça/Serviços de Justiça Juvenil e com o financiamento do PARTIS – apoio a projetos sociais destinados à integração social através das práticas artísticas, promovido pela Fundação Calouste Gulbenkian.

Este ano contamos com o apoio cultural da Câmara Municipal do Porto/Teatro Municipal do Porto, Campo Alegre. Rivoli, e com o apoio logístico da Portugália Restauração S.A. a quem agradecemos toda a colaboração  prestada na estadia da equipa durante o projeto.

O projeto Este Espaço Que Habito no Isto é PARTIS

Isto_PARTIS
Na esplanada do Centro de Arte Moderna/FCG

 

Aconteceu ontem o 1º dia do Isto é PARTIS, o MEF está presente neste encontro com uma pequena mostra das imagens realizadas pelos jovens com que trabalha nos Centros Educativos através do projeto Este Espaço Que Habito.

 

Isto é PARTIS, hoje na Fundação Calouste Gulbenkian

Hoje e amanhã, vários espaços da Fundação Calouste Gulbenkian abrem as portas a projetos de arte que têm como grande objetivo promover a inclusão social. Todos estão ligados ao projeto PARTIS (Práticas artísticas para a inclusão social), que o Programa Gulbenkian Desenvolvimento Humano tem dirigido desde 2013. Nos dias 10 e 11 de julho haverá circo, fotografia, teatro e música, com intervenientes bem diferentes daqueles que costumam atuar na fundação.
Captura de ecrã 2015-07-7, às 16.43.44
Artigo sobre o Isto é PARTIS na Newsletter FC Gulbenkian junho 2015 – page 8. [clicar na imagem para aceder à revista]

O Movimento de Expressão Fotográfica estará presente com a exposição do projeto Este Espaço Que Habito.

Workshop de Fotografia em Festivais de Música: Milhões de Festa

milhoesdefesta

Movimento de Expressão Fotográfica – MEF em colaboração com a Associação Portuguesa de Festivais de Música – APORFEST, promove de 23 a 26 julho um novo Workshop de Fotografia em Festivais de Música, o Milhões de Festa em Barcelos.

Em Julho, o MEF no “Isto é PARTIS” da Fundação Calouste Gulbenkian

Isto é PARTIS – Práticas artísticas para a inclusão social

Sexta, 10 jul 2015 às 21:00 | Sábado, 11 jul 2015 às 15:00

Vários espaços na Fundação Calouste Gulbenkian

Durante dois dias (ver programa), vários espaços da Fundação Calouste Gulbenkian vão abrir as portas a projetos de arte que têm como grande objetivo promover a inclusão social. Todos estão ligados ao projeto PARTIS (Práticas artísticas para a inclusão social), que o Programa Gulbenkian Desenvolvimento Humano tem dirigido desde 2013.

O MEF é uma das entidades convidadas para esta mostra com o projeto Este Espaço Que Habito.

cartazweb_eeqh2015

PEDIFOTO Este Espaço Que Habito 2015, anunciado o vencedor

Apresentámos ontem, em sessão que decorreu na Arte Graça – Espaço Cultural e Educativo da Junta de Freguesia de São Vicente, os resultados fotográficos do 2º PEDIFOTO Este Espaço Que Habito.  Marina Luzia foi a concorrente vencedora desta edição, que apresentou, na opinião do júri que foi composto pelos jurados Luís Rocha, Nuno Morais e José Oliveira, o trabalho fotográfico mais coerente na relação das imagens com os temas propostos, tendo também em conta a abordagem fotográfica nas 20 fotografias apresentadas.

As imagens foram realizadas em processo estenopeico (pinhole), com as câmaras a serem construídas pelos próprios participantes.


PEDIFOTO Este Espaço Que Habito 2015

© Marina Luzia

PEDIFOTO
Tema 1 – De amarelo se faz o caminho
PEDIFOTO
Tema 2 – Sobe e desce
PEDIFOTO
Tema 3 – Vejo-te passar
PEDIFOTO
Tema 4 – Isto tem Graça
PEDIFOTO
Tema 5  – Antes e depois
PEDIFOTO
Tema 6 – Do pequeno faço grande
PEDIFOTO
Tema 7 – Velhos são os trapos
PEDIFOTO
Tema 8 – Referências de outros tempos
PEDIFOTO
Tema 9 – Em segunda mão
PEDIFOTO
Tema 10 – Passei o dia a ver-te trabalhar
PEDIFOTO
Tema 11 – Agora parei aqui
PEDIFOTO
Tema 12 – Estrangeiro em Lisboa
PEDIFOTO
Tema 13 – Toda a cidade
PEDIFOTO
Tema 14 – 28 Prazeres
PEDIFOTO
Tema 15 – É na rua do meio
PEDIFOTO
Tema 16 – E o tempo não passa
PEDIFOTO
Tema 17 – De dentro para fora
PEDIFOTO
Tema 18 – Terreiro dos vizinhos
PEDIFOTO
Tema 19 – Pedras, ruelas e calçadas
PEDIFOTO
Tema 20 – Este espaço que habito

Esta atividade fotográfica tem como objetivo o de  divulgação do projeto Integrar pela Arte e pretende proporcionar um dia de convívio entre os que possuem o interesse comum da fotografia.


Apresentação e Entrega de Prémio, PEDIFOTO Este Espaço Que Habito

Acontece amanhã, 27 de Junho pelas 17h, a apresentação/projeção de todas as imagens realizadas pelos participantes no PEDIFOTO Este Espaço Que Habito que se realizou no passado sábado no Bairro da Graça em Lisboa. Nesta sessão, aberta ao público, será revelado o trabalho fotográfico vencedor do PEDIFOTO.

Local: Arte Graça – Espaço Cultural e Educativo da Junta de Freguesia de São Vicente. Rua da Graça, 27-29 – Lisboa.


Pequena reportagem, com fotografia de Miguel Carriço, sobre o PEDIFOTO Este Espaço Que Habito realizado no Bairro da Graça em Lisboa no dia 20 de Junho de 2015.

PEDIFOTO_EEQH2015©MiguelCarrico_001
Recepção dos participantes.
PEDIFOTO_EEQH2015©MiguelCarrico_002
Construção das câmaras estenopeicas.
PEDIFOTO_EEQH2015©MiguelCarrico_003
Apresentação do PEDIFOTO Este Espaço Que Habito
PEDIFOTO_EEQH2015©MiguelCarrico_004
Realização das imagens, de acordo com os temas propostos.
PEDIFOTO_EEQH2015©MiguelCarrico_005
Equipa técnica do MEF num dos locais de controlo.
PEDIFOTO_EEQH2015©MiguelCarrico_007
3 participantes com a passagem certificada pelo posto na Feira da Ladra.
PEDIFOTO_EEQH2015©MiguelCarrico_006
Na Vila Berta, no posto final de entrega dos rolos fotográficos.

Imagens do encontro de fotografia “Diários de um quotidiano”

Diários de Um Quotidiano
O vídeo apresentado é uma pequena mostra das imagens que foram realizadas nos dois encontros “Diários de um quotidiano”. Clicar na imagem para aceder ao vídeo.

No início do ano de 2015 aconteceram os Encontros de Fotografia nas aldeias da União das Freguesias do Freixial e Juncal do Campo no âmbito das Aldeias Artísticas promovidas pelas associações EcoGerminar e Terceira Pessoa, promotoras do “Há Festa no Campo”.

Estes encontros, denominados  “Diários de um quotidiano”,  foram  orientados por Tânia Araújo e Luís Rocha do Movimento de Expressão Fotográfica, em que se pretendeu que os participantes (convidados e habitantes das aldeias) contactassem com as populações, através da fotografia, das aldeias do Barbaído, Chão da Vã, Freixial do Campo e Juncal do Campo, de forma a comporem coletivamente um diário do quotidiano dos habitantes destes lugares. Destes encontros de fotografia resultou uma exposição  e projeção, inseridas no 1º Festival “Aldeias Artísticas” que aconteceu nos dias 19, 20 e 21 de Junho de 2015. O vídeo apresentado nesta página é uma pequena mostra das imagens que foram realizadas nos dois encontros “Diários de um quotidiano”.