Arquivo de etiquetas: Lisboa

Movimento e Imagem, a 2 e 16 de Fevereiro

Em Fevereiro de 2016, o Movimento e Imagem leva à Ler Devagar todo o campo da Imagem e da Fotografia.

Movimento e Imagem, na Ler Devagar em Lisboa.

Mais informações: http://www.mef.pt/mef/movimento-e-imagem-conversas-mef/


 

Hoje, Revista TEMA n.4 na Ler Devagar em Lisboa

Hoje no lançamento da Revista TEMA às 19h30, na Livraria Ler Devagar, LXFactory em Lisboa, apresentamos:

12314577_961046610628279_5149636668122452799_o
Imagem © Tatiana Mavromati

O ensaio da grega Tatiana Mavromati. “Lali” é uma visão íntima da imigração georgiana na Grécia, à procura de uma nova vida num dos países em maior dificuldade na Europa.

Imagem © Bruno Miguel Castro
Imagem © Bruno Miguel Castro

A secção dedicada ao processo de um fotógrafo, que neste número conta com a partilha de Carlos Muralhas. O autor abriu o livro e conta-nos como trabalha antes e depois de disparar, para uma visão muito própria da fotografia.

12322374_961043327295274_8625054531916790873_o
© António Castilho

O fotógrafo António Castilho que redescobriu alguns rolos perdidos no tempo e partilha a sua visão do PREC, num trabalho resgatado ao esquecimento e que marca também a presença do ensaio fotográfico português na revista.
12339496_961041503962123_5320339132459804084_oA secção dedicada ao livro fotográfico com a colaboração da Magda e do Domingos, que apresentam o universo de Stephen Grebinski e o seu invulgar “The Porno Landscapes”.

12322840_961039357295671_1223790781276918626_o
© Oksana Yushko
A visão de Oksana Yushko sobre o massacre de Beslan e dos jovens sobreviventes que, anos depois, celebram a formatura.

12309530_961037290629211_823685206242294933_o
© Ian Willms

Um projecto documental no Instagram, que Cláudia Lomba escreveu para a nova secção “A Rede”. O trabalho de Ian Willms aparece sóbrio e sensível na TEMA.

12314606_961035940629346_9160382567886907567_o
© Courtnay Robbins Bragagnolo

O ensaio que faz a nova capa da TEMA, “Refugees of Kobane”, e que foi fotografado por Courtnay Robbins Bragagnolo na fronteira da Síria quando a Europa ainda não tinha acordado para o problema e traz-nos o olhar directo da norte-americana.

12342413_961033517296255_5017144439599031623_n
© Mário Cruz

Mário Cruz, que esteve à conversa com o João Jarego sobre fotografia, a sua carreira e abordagem fotográfica.

Reportagem da inauguração da exposição fotográfica KTABNA

Inaugurámos no passado dia 29 de Setembro no Espaço Cultural da Mercês em Lisboa, a exposição “KTABNA uma exposição fotográfica sobre Marrocos”. A exposição poderá ser visitada até 17 de Outubro.

Esta exposição é a visão de um grupo de viajantes que partilhou o Workshop de Fotografia Documental dinamizado pelo Movimento de Expressão Fotográfica em Setembro de 2014 em Marrocos. São 16 autores que testemunham uma  jornada inesquecível através de 32 imagens fotográficas.

Ekaitz Lopez_1 Ekaitz Lopez_2 Ekaitz Lopez_3 Ekaitz Lopez_4 Ekaitz Lopez_5 Ekaitz Lopez_6 Ekaitz Lopez_7

 – Reportagem fotográfica de Ekaitz Lopez, estagiário do MEF –

Ktabna_CarlaPais-9 Ktabna_CarlaPais-14 Ktabna_CarlaPais-17 Ktabna_CarlaPais-27 Ktabna_CarlaPais-32 Ktabna_CarlaPais-43 Ktabna_CarlaPais-48 Ktabna_CarlaPais-53 Ktabna_CarlaPais-54 Ktabna_CarlaPais-74

Ktabna_CarlaPais-5 Ktabna_CarlaPais-47 Ktabna_CarlaPais-73

 – Reportagem fotográfica de Carla Pais –

O MEF sugere…

3 propostas fotográficas às quintas-feiras.

Prosseguimos no mês de Maio com mais 3 sugestões: passeamos em Lisboa e visitamos o seu arquivo fotográfico situado na Rua da Palma,  partimos em busca da fotografia perfeita com o grupo f/64 e   refletimos com o documentário Born into Brothels.

 ::

Para visita, sugerimos:

Arquivo Fotográfico de Lisboa, na rua da Palma, o Arquivo Municipal de Lisboa | Fotográfico detém um espólio com um valor patrimonial único para a história da cidade e da fotografia, que recua a 1850 e chega à atualidade através de várias proveniências: leilões, doações, legados, por encomenda pontual ou avenças estabelecidas com alguns fotógrafos e ainda, na atualidade com a recolha sistemática de imagens da cidade, feita pelos fotógrafos do Arquivo. A sua vertente é a divulgação da memória fotográfica de Lisboa, sendo a primeira instituição dedicada à preservação de coleções de fotografias e à sua divulgação, ao nível das instituições congéneres internacionais.

© cm-lisboa

 ::

Para conhecer, sugerimos: 

O Grupo f / 64 foi uma associação fotográfica que foi fundada na Califórnia em 1932, sob a influência de Paul Strand. Ansel Adams, Edward Weston, Imogen Cunningham, Willard Van Dyke, Henry Swift e Sonya Noskowiak foram alguns dos seus membros mais proeminentes. O grupo promoveu a prática da fotografia pura , sem intervenção, em oposição ao pictorialismo.

© Ansel Adams

 ::

Para ver, sugerimos: 

Kids with Cameras – Born into Brothels.  Documentário sobre a vida das crianças do bairro da Luz Vermelha, em Calcutá na Índia. No aparente crescimento económico do país, as crianças são os menos privilegiados, filhos e filhas de prostitutas do bairro mais pobre da cidade. Estas crianças, munidas de câmaras fotográficas fotografam  tudo o que lhes chama à atenção.

DVD_cover

 ::

Movimento de Expressão Fotográfica, 14 de Maio de 2015.

Todas as sugestões da rubrica “O MEF sugere…” estão disponíveis, após a sua publicação, em: 3 propostas fotográficas às quintas-feiras, com acesso ao arquivo por data de publicação.

O MEF sugere…

3 propostas fotográficas às quintas-feiras.

Vamos já na quarta semana de sugestões. Nestas 3 novas propostas vamos ao CPF no Porto, olhamos para uma Lisboa à noite com o livro de Luís Pavão e passamos por FUR, um retrato imaginário de Diane Arbus.

 ::

Para visita, sugerimos:

O Centro Português de Fotografia – CPF tem sede no Porto, no edifício da antiga Cadeia da Relação. Foi criado em 1997 pelo então Ministério da Cultura e é actualmente tutelado pela Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas. As atividades do CPF visam a promoção e valorização do património fotográfico, onde se inclui o tratamento arquivístico de espécies e a gestão da Coleção Nacional de Fotografia. O CPF apresenta ainda um programa anual de exposições temporárias, um núcleo museológico permanente, uma biblioteca especializada, entre outras propostas.

logo_cpf

 ::

Para conhecer, sugerimos:

Fotografias de Lisboa à Noite de Luís Pavão.

“Há um olhar codificado sobre a noite: os rostos estuam-se em cansaços, rugas sulcam o tempo entre dois copos, bocas entreabrem-se em sugestão de bocejos. É a noite na sua dimensão menos nobre: a de fim do dia. O que o admirável álbum de Luís Pavão […] propõe é outra coisa: é o reverso deste olhar. Aqui, não há demagogia nem instantâneo fácil: há […] a procura paciente, apaixonada, do que vive por dentro da noite. O que resulta é um outro olhar: a noite assume-se com a autonomia do seu próprio espaço, rasga-se horizontes até agora insuspeitados, faz viver personagens que não são meros desperdícios do dia, mas que vivem por essas horas o momento de existirem. […]”
(António Mega Ferreira, O Jornal, 23 de Dezembro de 1983)

© Luís Pavão
© Luís Pavão
Edição/reimpressão: 1983. Páginas: 156. Editor: Assírio & Alvim. ISBN: 978-972-37-0336-8

 ::

Para ver, sugerimos:

FUR – Um Retrato Imaginário de Diane Arbus. Em FUR, Diane Arbus através do seu vizinho Lionel, embarca numa extraordinária viagem, na qual entra num submundo habitado por travestis, anões e outras pessoas que vivem à margem da sociedade e que irá despertar o seu olhar artístico. Em FUR assitimos à transformação de uma mulher tímida numa das mais originais artistas mundiais.

b2d5a206a11ec3e7f4aa4ed2e44f7f8b

Realização Steven Shainberg. Interpretação Nicole Kidman, Robert Downey Jr., Ty Burrell. 122 min. Biografia/Drama. Estados Unidos da América, 2006.

 ::

Movimento de Expressão Fotográfica, 23 de Abril de 2015.

Todas as sugestões da rubrica “O MEF sugere…” estão disponíveis, após a sua publicação, em: 3 propostas fotográficas às quintas-feiras, com acesso ao arquivo por data de publicação.

Tertúœlia Educaç㍋o n‹ão Formal

Tertúœlia Educaç㍋o n‹ão Formal
Tertúœlia Educaç㍋o n‹ão Formal

O MEF participa na Tertúlia promovida pelo Fórum sobre os Direitos das Crianças e dos Jovens, a realizar no dia 15 de Janeiro, pelas 18h00, em Lisboa, subordinada à temática da “Educação não Formal enquanto promotora da Inclusão”.

O Fórum sobre os Direitos das Crianças e dos Jovens “tem o propósito de potenciar o trabalho em rede, através da criação de um espaço de diálogo, intercâmbios de ideias, saberes e pontos de vista entre organizações que trabalham com e para as crianças e jovens”.